DRIFTBOYS e Massaru lançam “Veneno de Cobra”

Luca Moreira
6 Min Read

A DRIFTBOYS é referência em misturar elementos do rap, trap, hip-hop, R&B e cyber rap, com uma forte influência da cultura automobilística e de drift, resultando em uma sonoridade única. O grupo formado por Émer$on, BDK e Raiashi, se unem ao rapper Massaru para lançar seu novo hit: Veneno de Cobra. A música chega às plataformas digitais acompanhada de clipe

[ouça aqui]

Assista aqui

O nome DRIFTBOYS vem da paixão do grupo por carros e da prática de drift, que consiste em fazer curvas em alta velocidade controlando a derrapagem do veículo. A paixão pelo automobilismo também é evidente nas letras de suas músicas, que frequentemente fazem referências à cultura automotiva.

Juntos, BDK, Raiashi e Émer$on formam o grupo que conquistou relevância de forma totalmente orgânica. Presente nos eventos automobilísticos, se apresentando em shows e fazendo músicas com grandes nomes do cenário como Yung Buda, os artistas se tornaram representantes do público interseccional do drift e do trap, chamando atenção até de um dos rappers mais conhecidos da atualidade, Massaru. 

 

Veneno de Cobra Feat. Massaru

 

[Émer$on]

Esses dias eu tive uma pira muito doida

Que eu conheci uma garota

E ela tinha um semblante lindo, lindo, muito lindo

Mas eu achava que ela queria me matar envenenado

Por algum motivo ela queria me matar e eu não sei porque

Só coisa da minha mente

E ai eu cheguei a conclusão que isso era minha mente indicando desconfiança

Essa coisa da mentira e tals

 

O meu supra cor de sangue vai te assustar

Com o ronco do motor te faz delirar

Sua voz tão doce me faz descongelar

Mas é veneno de cobra, eu não vou tomar

Eu tô rabiscando o chão, a fumaça no ar

Não saio da contramão mas sei pilotar

Sabe que os DRIFTBOYS ‘cês não alcança

Ativei o nitro NOS, vou sumir no mapa

 

[Raiashi]

Sintonizando com a atmosfera

Meu carro tunado é autobot

Sempre na chuva eu acelero

Nome gravado no Death Note

É que eu misturo sangue com a gasolina

Alma vibrando ao som do motor

Meu corpo exalando serotonina

E a chuva que cai esconde minha dor

 

Nissan tunado Yuuki Yoda

Você me olha e nunca me entende

Eu sempre te digo que odeio casa

É que na pista eu vivo sempre para frente

 

Para trás eu nunca vou olhar

Sempre que eu acelerar

Você vai entender o que eu sinto

 

Tattoo na pele ou cicatrizes?

Marcas de luta com boos insano

Sempre na pista fazendo drift

Essa é a vida que eu tanto amo

Se eu trombo a morte viro mártir

Meu sangue jorrando vira esboço

E vários escutam o que eu fiz

Opala tunado te tira o fôlego

 

[BDK]

Cobra GT 1967

Batendo de frente com 350z

Tipo eu te mostro no touge

O poder desse muscle 

Trilhando o caminho pro inferno

Asfalto derrete é o poder desse carro

Sente o peso, diferencial blocado

Igual caranguejo andando de lado

Empurrando o planeta pro lado contrário

 

Coração ta frio sempre gelado

No mercy igual Cobra Kai

Meu kit sempre ralado

É o touge, faz parte

Eu vim para retomar o meu trono

De Shelby ou de Trueno

Fiz pacto com Chronos

Acelero e congelo o tempo

 

Eu apago os faróis, me transformo no vento

Esse galão azul de veneno é NOs

Sigo o vermelho do disco de freio

É o puro do puro, isso é ser veloz

Um muscle, um classic, um JDM só classe S

 

[Massaru]

É o M

Duas pistas, 4 canecos

Disposição e marcha para trocar

Meus inimigos no fim da lista

Igual Grand Turismo, eu não vou parar

Nessa capital eu vou disparar

Escape cospe fogo, imagina

Eles não entende nada, de nada-na

Eu vou de zero a cem em uma arrancada

 

Supra 

Costurando na marginal a mais de 200km

E ela que troca a marcha 

Porque eu não vou nem precisar

É mais rápido que esse radar já pôde calcular

Mais rápido que esses caras podem me alcançar

 

[Émer$on]

O meu supra cor de sangue vai te assustar

Com o ronco do motor te faz delirar

Sua voz tão doce me faz descongelar

Mas é veneno de cobra, eu não vou tomar

Eu tô rabiscando o chão, a fumaça no ar

Não saio da contramão mas sei pilotar

Sabe que os DRIFTBOYS ‘cês não alcança

Ativei o nitro NOS, vou sumir no mapa

Share this Article