Destaque intersexual, Laudineh de Oliveirah será destaque central da Barroca Zona Sul

Sophia Gomes Martins
2 Min Read

Pelo quinto ano, Laudineh de Oliveirah fará parte do grupo de destaques da Barroca Zona Sul, a empresária é a única pessoa intersexo a desfilar pela escola no Carnaval de São Paulo e vem representado as gueixas da sociedade japonesa.

Com uma releitura moderna e ousada, além da maquiagem e penteado estilo mangá, a elegante fantasia confeccionada pela carnavalesca Nonny Du Glamont, trará renda, plumas, cristais e belíssimos leques.

O samba-enredo conta a história da escola, “Nós nascemos e crescemos no meio de gente bamba. Por isso nós somos a Faculdade do Samba. 50 anos de Barroca Zona Sul”. Laudineh será destaque central do segundo carro, que apresentará o tema de 1983, “75 Anos de Imigração Japonesa no Brasil – O Reino do Sol Nascente”.

Apaixonada pelo Carnaval, entre o Sambódromo do Anhembi e a Sapucaí, a destaque que completa 12 anos de avenida, nasceu com uma condição genética rara, com características biológicas dos dois sexos, para alguns leigos “hermafrodita”. Poucos sabem, que é uma variação cromossômica, em que há a presença de um ou mais cromossomos X, resultando em XXY, chamada síndrome de Klinefelter.

Atualmente Laudineh mora no Canadá, é empresária no segmento artístico e digital, CEO de uma empresa que oferece serviço de conteúdo por assinatura. A Barroca Zona Sul será a segunda escola a desfilar no primeiro dia de Carnaval, sexta-feira (09.02).

Para saber sobre Laudineh de Oliveirah, acesse o Instagram: @laudineh_oliveirah

Share this Article