Saiba o que é o problema de coluna de Rico Melquiades

Luca Moreira
6 Min Read

Problema atinge cerca de 40% da população e acomete mais mulheres 

Rico Melquiades teve que ser internado às pressas com dores na coluna. O influenciador está com hérnia de disco.

A doença não é incomum, cerca de 40% da população tem dor ciática, que acomete mais mulheres e homens a partir dos 40 ou 50 anos da idade. Estima-se que 15% da população mundial já teve algum episódio de desconforto com o nervo ciático. Sendo mais comum entre as mulheres do que entre os homens, geralmente é um incômodo persistente, mas com intensidade variada, que pode ser acompanhada de dormência, formigamentos, sensação de agulhadas e fraqueza muscular.

Dr. Haroldo Chagas, Neurocirurgião (Membro SBN e SBC), Chefe da Neurocirurgia do Hospital Federal da Lagoa – RJ e Cirurgia de Coluna Minimamente Invasiva, respondeu as principais dúvidas sobre os problemas.

Dor ciática, o que é?

“A dor ciática é caracterizada por pinçadas ou espasmos de dor. Ocorre na região lombar e estende-se até o pé, passando por trás da coxa, podendo ocorrer em uma ou nas duas pernas. Ela tem essa característica porque ocorre nas condições que causam sofrimento no nervo ciático, que é o nervo mais longo do corpo humano, e a dor acompanha o trajeto do nervo. A causa mais comum de dor ciática é a hérnia de disco lombar, mas qualquer condição que ocasione a compressão do ciático (traumas, tumores, desvios da coluna) também pode ser responsável pelo quadro álgico. Quem tem dor ciática pode ter uma certa dificudade de realizar alguns movimentos simples, como sentar e levantar. Se você tem algum desses sintomas citados, procure um médico especialista no assunto e marque uma consulta para fazer os exames necessários”.

O que ocasiona o problema?

Uma postura irregular, por exemplo, permanecer muitas horas sentado com uma postura errada é altamente prejudicial para o alinhamento da coluna vertebral. Isso reflete em dores na região lombar que podem irradiar para o glúteo, coxa e membros inferiores.

Outro fator que pode causar dores no nervo ciático é a ocorrência de um acidente ou trauma na região da coluna. Ao sofrer uma lesão em qualquer região da coluna, é possível que ele seja afetado, já que está interligado a outros nervos e toda mudança ou pressão sofrida na região pode trazer prejuízos para outras partes do corpo humano.

Além disso, se o trauma afetar a região lombar, quadril, coxa ou perna, as chances de prejuízos para o ciático são ainda maiores.

Como tratar o problema?

O tratamento para as dores do ciático varia de acordo com a causa e a gravidade do problema relatado. Há situações que são resolvidas facilmente com repouso e fisioterapia, enquanto outras podem exigir o uso de medicamentos e a realização de cirurgias para corrigir o problema de compressão.

O que é hérnia de disco?

“A hérnia de disco também é chamada de deslocamento de disco ou ruptura do disco intervertebral. Ocorre com mais frequência na lombar ou na região da nuca (cervical). Esses dois tipos podem acontecer em qualquer idade, desde que o indivíduo possua os fatores de risco compatíveis com tal patologia. A evidência radiológica de compressão medular pode não se manifestar clinicamente. Nos casos de compressão medular, o melhor momento para a cirurgia é justamente quando o paciente apresenta poucos sinais clínicos”.

O que pode ser feito para amenizar o problema?

“Existem algumas opções de exercícios (principalmente de pilates) que quem sofre com Hérnia Discal Lombar podem executar com mais segurança e facilidade, com objetivo de adquirir maior estabilidade e mobilidade para coluna lombar, como por exemplo:

• Círculos com uma perna
• Alongar as duas pernas
• Alongar uma perna estendida”
Quando a hérnia de disco deve ser operada?

“A cirurgia de hérnia de disco é recomendada após 3 meses sem resultados satisfatórios em todos os outros tratamentos, como medicamentos e fisioterapia. Episódios de dor incapacitante ou fraqueza significativa de músculos da perna ou do pé também podem necessitar de cirurgia. Casos de Síndrome da cauda equina (doença grave causada pela compressão e inflamação das raízes dos nervos) exigem urgência da cirurgia de hérnia de disco, a fim de evitar sequelas permanentes. O neurocirurgião vai definir, para cada caso, se a cirurgia será tradicional ou minimamente invasiva”.

Cuidados com a hérnia de disco?

“Nos cuidados, primeiramente é fundamental procurar um médico e começar o tratamento logo após o diagnóstico para evitar maiores complicações e o desenvolvimento da lesão. À princípio, as sessões de fisioterapia e medicação anti-inflamatória precisam ser acompanhadas a mudança de hábito. Corrigir a postura e adequar o ambiente de trabalho e de descanso às necessidades físicas fazem parte do tratamento. Além disso, é importante manter uma rotina de exercícios e alongamentos recomendados pelo médico para uma melhor recuperação. Tudo isso aliado ao repouso, tratamento rotineiro e acompanhamento profissional”.

Share this Article