Design Thinking, Crowdsourcing e Blended Learning. Afinal, o que são esses conceitos que aparecem no universo da educação?

Ainda que aos poucos, o Brasil avançou bastante nas formas de ensino. À medida que diversas tecnologias surgem, novas metodologias passam a ser usadas e com elas, novos conceitos e termos – a maioria em inglês – povoam cada vez mais o universo educacional. Para ajudar aqueles que não estão familiarizados com essas terminologias, mas que gostariam de entender melhor seus conceitos, o diretor acadêmico da Luminova, rede de escolas voltada para os públicos das classes B e C, Luizinho Magalhães, preparou um glossário especial. Confira abaixo:

Blended Learning: também conhecida como aprendizagem híbrida, concilia o uso de recursos on e off-line, mídias digitais e impressas que corroboram com as formas de aprendizagem do aluno.

Flipped Classroom: a estratégia de aula invertida propõe uma preparação prévia do aluno para a aula, promovendo momentos de debates e provocações dialéticas para a produção de argumento a partir de dados ou fatos já apresentados.

Crowdsourcing: tem em si a proposta de produção coletiva e colaborativa, indo além de um trabalho em grupo. Os recursos utilizados possibilitam a integração e a colaboração dos alunos não apenas de forma presencial, como também à distância

Gamification: propor desafios aos alunos por meio de recursos tecnológicos para abordar conteúdos e estimular habilidades de convivência e colaboração.

Game Based Learning: uso jogos como objetos de aprendizagem. Exemplo: um jogo de corrida que será a base para o trabalho de velocidade média em física

Social Learning: o meio em que o aluno vive é considerado como recurso para a aprendizagem, ou seja, suas relações sociais são analisadas em pesquisas e atividades intra e extra sala

Adaptative Learning: por meio de recursos de inteligência artificial, faz uso de plataformas para a avaliação dos alunos, permitindo, assim, apontar quais os pontos falhos e que merecem atenção na perspectiva de desenvolvimento dos estudantes.

Problem Based Learning: o aluno apresenta uma pesquisa fundamentando seu argumento na resolução de algum problema apresentado, compartilha o resultado prévio para, em grupo, chegar-se a uma resposta.

Design Thinking: trata-se de processos que desencadeiam o pensamento criativo, permitindo organizar informações e ideias, tomar decisões, aprimorar situações e adquirir conhecimento.

Ouça nosso podcast

VEJA MAIS