Revelado por projeto da CausArt, MC JL grava cenas do seu primeiro filme no Cinema

Luca Moreira
2 Min Read

Jovem foi o vencedor do festival de música Causando Arte,realizado em 2022 dentro do Projeto Escola Aberta em Senador Canedo

O prodígio MC JL deu outro passo importante na sua carreira artística nas últimas semanas ao gravar sua primeira participação como ator no filme “Inevitável”, média metragem dirigido por Jonathas Veloso e com produção de Eduardo Rosário. O pequeno rapper é um talento revelado pela CausArt, Organização Não Governamental dirigida pelo cantor, ator e produtor cultural Donato no Relato, que em 2022, vencedor do festival de música Causando Arte, que foi realizado em 2022 dentro do Projeto Escola Aberta em Senador Canedo.

Entre os prêmios conquistados por MC JL, estava a gravação de um clipe com MC Danielzin, concretizado na canção “Tem que Estudar”. Agora, os dois novamente contracenam juntos na produção cinematográfica. Donato fala com orgulho da trajetória de JL, o primeiro perseverante da CausArt, que tem como propósito mostrar às crianças da periferia, que sonhos são possíveis.

A iniciativa inédita em Senador Canedo foi a primeira da instituição CausArt, com o objetivo de despertar entre as crianças e adolescentes a importância da arte na construção do caráter de cada uma delas. “Ver o brilho nos olhos deles é o que motiva esse trabalho social, que só está começando”, declara Donato, ao lembrar que o jovem já ganhou seu primeiro cachê trabalhando como artista.

MC JL já tem clipe gravado da música “Tem que Estudar” , escrita por Donato em parceria com o músico Dayran. A história reflete sobre a importância da escola na vida das crianças e foi gravada com MC Danielzin, filho do rapper. O clipe teve também a contribuição dos alunos da Escola Municipal Abdon Ferreira de Carvalho, em Senador Canedo, que serviu de cenário.

Share this Article