Now Reading
Qual o sentido da vida?

Qual o sentido da vida?

Hoje iniciamos uma série de crônicas ou contos, ficará ao critério da pessoa que vos escreve. Bem, como estou com um humor reflexivo, vamos a uma crônica.

Quando fazia psicologia, isso há uns seis anos atrás, uma das cadeiras que mais me marcou foi a fenomenológica, sim estudei Sartre, Heidgger e dentre outros pensadores. Desde aquela época a vida era um dos meus pontos principais de pensamento “Qual o sentindo de está aqui?”. Ora, nem na minha vã filosofia e devaneios da aluna de outrora seria capaz de responder com uma exatidão a minha indagação. Mas…talvez a vivencia e conviver sempre “no limite” das minhas emoções consiga criar algumas argumentações.

A vida parece ser uma camada fina de gelo, aquelas formadas após um longo inverno. Frágil, complexa como aquelas moléculas juntas num formato sólido, mas, às vezes ,traz beleza por onde ela passa. Nascemos e, logo, vem a expectativa dos nossos pais:”Como será o futuro do meu filho?”, talvez nesse momento o sentido da vida para alguns pais sejam dá aos seus uma vida boa, justa e que eles cresçam bem.  Em seguida, viramos adolescentes e um turbilhão de coisas acontecem, talvez se a Rayanne de 26 fosse falar com essa adolescente ela me perguntaria “Por que, qual o sentido disso tudo?”. Eu queria dizer para ela o sentido você nunca saberá, porém no fim esses momentos pequenos que você viveu é indubitavelmente  o que dará sentido para.

Talvez, para uns o sentido esteja em comer aquele sanduíche da quitanda ao lado ou o orvalho de manhã, ou talvez nunca tenham parado para pensar. Eu sei que esse texto se torna piegas para alguns “Ai vai a autora com a síndrome da Polianna”¹, entretanto, será que se a gente começar à apreciar as coisas ao nosso redor não seremos uma história de motivação para os outros?  E ai saberemos o sentido da vida?

See Also

Termino me  inspirando na história da Aya Kito, autora do livro “1 litro de lágrimas”. A japonesa que aos 15 anos descobriu ser portadora de uma doença degenerativa conhecida como degeneração espinocelebrar,  resumo ela perderia toda a sua movimentação, fala ao longo do tempo, apesar de ter consciência do que acontecia ao seu redor me ensina a ter forças e repensar que a vida é isso, é de voce receber e dá amor aos outros. Ser empatico, acima de tudo com o meu semelhante. E isso seja o sentido, dá sentido a vida dos outros.

Ver a imagem de origem

What's Your Reaction?
Excited
0
Happy
0
In Love
0
Not Sure
0
Silly
0

© 2022 Luca Moreira. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Moreira Comunicação.

Scroll To Top

benjabet giriş

-
hiltonbet.club
- lunabet.club - süperbetin güncel adres - gizabet giriş